domingo, 4 de dezembro de 2016

potencial Hidrogeniônico (pH) - 19

19) A constante de equilíbrio da reação abaixo é da ordem de 1.10-7.

1CO2(g) + 1H2O(l) <=> 1H1+(aq)  +  1HCO31-(aq)             

Uma solução aquosa de dióxido de carbono cuja concentração de gás carbônico é cerca de 1.10-3 mol/litro tem pH igual a:

Pela expressão da constante de equilíbrio poderemos calcular a concentração de cátions hidrogênio (H1+) e depois calcular o pH.

Lembrando que entre os meios líquidos, gasosos e aquosos, os líquidos tem influência desprezível no equilíbrio e não participam do cálculo da constante de equilíbrio (Kc), neste caso a água.

Kc = [H1+] . [HCO31-/ [CO2]

1.10-7 = [H1+] . [HCO31-/ 1.10-3

Na reação a proporção entre os íons é 1:1 significa que as concentrações dos mesmos é igual no equilíbrio, logo poderemos representar esta concentração por "x".

1.10-7 = [x] . [x] / 1.10-3

x2 = 1.10-10

x = 1.10-5

pH = -log [H1+]

pH = -log [1.10-5]

pH = 5

Nenhum comentário:

Postar um comentário