domingo, 20 de outubro de 2013

EQUILÍBRIO QUÍMICO - 12

Na temperatura de 800oC e sob pressão total de 1 atmosfera existe dióxido de carbono na concentração de 1%, no equilíbrio:

CO2(g)  +  C(s) <=> 2 CO(g)

Qual a composição da mistura à mesma temperatura e sob pressão de 10 atmosferas?

Leitura percentual: 1% de gás carbônico significa que na mistura de cada 100 partes uma é do gás, ou seja 0,01atmosfera em 1atmosfera é a pressão parcial do gás carbônico( CO2), logo 0,99atmosferas será do outro gás o monóxido de carbono (CO).

A pressão do carbono é desprezível por ser sólido, logo não entra no cálculo da costante.

Kp = (pCO)2 pCO2 = (0,99)2 0,01 = 98

Calculamos a constante de equilíbrio pois não vai mudar se alterarmos a pressão do sistema e assim poderemos calcular as novas quantidades de gás nesta nova pressão.

Seja “x” a pressão parcial do CO sob pressão total de 10 atmosferas.

A pressão parcial do dióxido de carbono será 10 - x

Logo Kp = (pCO)2 / pCO2

98 = (x)2 / (10 - x)

x = 9,1

Pressão parcial do CO(g) = 9,1 ou 91%

Pressão parcial do CO2(g) = 10 - 9,1 = 0,9 ou 9%

O aumento da pressão sobre o sistema acarretou aumento na concentração de  CO2(g) e diminuição na de CO, ou seja o equilíbrio foi deslocado para a esquerda.

* ASSISTA VÍDEOS DE PEQUENA DURAÇÃO COM EXPERIMENTOS QUÍMICOS PARA REVISÃO DA MATÉRIA NO MEU BLOG - QUIMICAMENTE FALANDO CLIQUE AQUI*

Nenhum comentário:

Postar um comentário