domingo, 20 de outubro de 2013

EQUILÍBRIO QUÍMICO - 03

Atualmente o processo industrial utilizado para a fabricação de ácido sulfúrico é o chamado “processo de contato”. Nesse processo, o enxofre é queimado originando dióxido de enxofre. Este gás, juntamente com o oxigênio é introduzido num conversor catalítico, quando ocorre a reação de oxidação do dióxido de enxofre para trióxido de enxofre:
Supondo que o espaço livre do conversor seja de 400 litros e nele estejam confinados 80 mols de dióxido de enxofre, 120 mols de gás oxigênio e 200 mols de trióxido de enxofre, em equilíbrio, sob dadas condições de pressão e temperatura, o valor da constante de equilíbrio para a reação acima representada é:
Inicialmente precisamos montar a equação da reação de oxidação do dióxido de enxofre descrita no texto.

2SO2(g) + O2(g) <=> 2 SO3(g))

Como o sistema já alcançou o equilíbrio, basta a aplicação da fórmula da constante de equilíbrio (Kc).

CONSTANTE DE EQUÍLIBRIO: é uma relação matemática entre a multiplicação das concentrações dos produtos dividida pela multiplicação das concentrações dos reagentes, elevadas nos seus coeficientes e todas as concentrações em mols/litro.


OBS: quando reagentes e produtos são gasosos todas as concentrações entram no cálculo da constante de equilíbrio.

[SO2] = 80 mols / 400 litros = 0,2 mols/l

[O2] = 120 mols / 400 litros = 0,3 mols/l

[SO3] = 200 mols / 400litros = 0,5 mols/l

Kc = [SO3]2 / [SO2]2 . [O2]

Kc = (0,5)2 / (0,2)2 . (0,3) = 20,8

* ASSISTA VÍDEOS DE PEQUENA DURAÇÃO COM EXPERIMENTOS QUÍMICOS PARA REVISÃO DA MATÉRIA NO MEU BLOG - QUIMICAMENTE FALANDO CLIQUE AQUI*

Nenhum comentário:

Postar um comentário